Deixamos aqui alguns testemunhos de empresários que colaboram com o CREAP e também de alguns dos formandos:

 

 EMPRESÁRIOS:

Tomei conhecimento da Cercipeniche e dos serviços que presta através da minha esposa que também trabalha na área da Inserção/Reabilitação Profissional de pessoas portadoras de deficiência.

Após ter feito uma breve análise das funções que poderiam ser desempenhadas pelos jovens formandos, entrei em contacto com a Cercipeniche para iniciarmos a colaboração. Neste momento, a empresa conta com dois jovens contratados e um em formação em posto de trabalho, o que se revela um excelente indicador do sucesso da integração profissional destes jovens, que decorreu de uma forma muito positiva e é notória a evolução que tiveram, quer a nível da produtividade e autonomia profissional, quer ao nível da integração no grupo, que funciona como uma grande família.

Sendo uma empresa, preocupamo-nos obviamente com o lucro económico, mas assumimos a responsabilidade social que temos para com a comunidade onde nos inserimos, através da potenciação da igualdade de oportunidades para todos.

     

 Noel Cherel

Transbase - Transporte e Logística, SA

 

Já há alguns anos que tenho contacto com o Centro de Reabilitação Profissional da CERCIPENICHE.

É muito importante a existência destes centros e que estejam virados para o mercado de trabalho, com a formação em posto de trabalho, porque se nota um grande distanciamento entre o ensino e o mercado de trabalho.

Quanto às dificuldades sentidas, não há grande diferença entre os jovens do CREAP e os outros, porque cada caso é um caso. Os jovens do CREAP têm uma vantagem , são todos educados, vêm preparados e mentalizados para trabalhar e têm consciência que têm que aproveitar as oportunidades, mostrando maior disponibilidade e vontade de aprender, não vêm apenas por motivos económicos. Os jovens começam em formação em posto de trabalho , vão passando por todas as áreas da empresa, desde o varrer... até tarefas mais complexas, o que facilita mais tarde a contratação e representa uma vantagem para as empresas.

A decisão da contratação surge do reconhecimento da evolução do jovem, da sua disponibilidade, iniciativa e polivalência. Já temos um jovem contratado há 4 anos e continuamos a colaborar com o CREAP, contando com mais um jovem em formação em posto de trabalho.

     

 João Neves

Tavares, Neves e Correia, Lda

 

 FORMANDOS:

 Neuza Alexandre        

 

Estou no CREAP há 5 meses, tenho 16 anos, se eu não viesse para aqui, estava na escola, aborrecida.

Andava sempre aborrecida de estar na escola já não tinha cabeça para estudar. Depois de me chamarem para o CREAP, já tinha alguns amigos aqui, mas estava com muita vergona, no primeiro dia. Depois conheci muitas pessoas que estavam cá.

Nós brincamos muito ao intervalo, rimo-nos muito, nós juntamo-nos  na hora de almoço, vamos dar uma volta lá abaixo.

O CREAP é muito divertido, gosto muito dos monitores são muito fixes para mim, fui bem recebida por todos e não tenho queixas de ninguém.

Adoro estar aqui!

 

 

 

 

 

 

 

 

Duarte Chagas

 

   

Iniciei a formação, na Readaptação ao Trabalho, no CREAP em Dezembro de 2005 mas só a meio tempo, pois no restante horário estava em posto de trabalho.

Quando cheguei, como é lógico, não conhecia ninguém nem sequer o centro.

Não sabia que áreas poderiam existir, mas a ideia era a seguir a área de informática, adquirir cinhecimentos na óptica do utilizador, o que tive bastante facilidade em aprender, depressa comecei a falar e conviver com os formadores e formandos o que me ajudou a motivar ainda mais.

Em Dezembro de 2007 saí do posto de trabalho regressando a tempo inteiro ao CREAP, onde continuo em formação desenvolvendo as minhas capacidades e competências a fim de facilitar a minha inserção no mercado de trabalho.

  

 

Juliana Rodrigues 

    

Quando entrei para o CREAP era tudo muito esquisito! Não conhecia ninguém e ninguém me ligava.

Pensei que fosse diferente do que eu imaginava, tinha medo de não ter amigos e de ser gozada. Até pensei em desistir.

Agora tenho a certeza de que foi uma nova oportunidade na minha vida.

Gosto muito de andar no CREAP, tenho muitos amigos e sou feliz.

Foi o que eu escolhi.

  

 

Bruna Pinto 

     

Tudo começou quando a minha professora me deu uma folha. A minha mãe deveria assinar dando autorização para eu ir para o CREAP, se nós assim entendessemos.

Eu reagi muito mal, disse que não queria, fartei-me de chorar!

Pensava que no CREAP eram só deficientes mas, enganei-me redondamente...

Confesso que aundo fui pela primeira vez senti-me muito só... Comecei a ficar muito nervosa, tiveram que me dar chá para me acalmar. Foi muito dificil acostumar-me, pensei que nunca iria conseguir, mas consegui!

Agora estou muito contente poruqe eles são muito fixes e muito bos amigos. Amigos como eu nunca tive. Estou a gostar muito e um dia quando sair vou ter muitas saudades... Obrigada por serem tão bons amigos! 

  

 

 

 

 

 

Ricardo Silva

 

    

Estou aqui no Centro de Reabilitação  de Peniche há quatro anos.

Eu estou a adorar estar nesta escola para aprender uma profissão para depois ir para formação em posto de trabalho.

Eu estou a aprender jardinagem e gosto muito da área. Também já estive na Carpintaria, na Serralharia e Encadernação.

Também temos informática, educação física, terpaia da fala que são boas para nós e também escolarização onde fazemos fichas.

Gosto muito de andar nesta escola.

  

 

Rute Neto

 

    

Eu estou a gostar muito de andar nesta escola, porque podemos ir para uma empresa quando estivermos preparados.

Eu estou  a aprender muita coisa, arranjei muitos amigos, aprendi algumas coisas na  costura, encadernação e manutenção e limpeza.

Acho que estou mais concentrada nas áreas, mas vou-me esforçar mais nas áreas, principalmente na Manutanção e Limpeza.

Gostava de ir trabalhar para um cabeleireiro como ajudante.

Entidades Financiadoras

Governo de portugalGoverno de Portugal Ministério da Educação e CiênciaUnião Europeia Fundo Social EuropeuPrograma Operacional Inclusão Social e EmpregoPortugal 2020Instituto do emprego e Formação profissional IPSegurança SocialPrograma Operacional Regional do Centro

Parceiros

Município de PenicheFenacerciEscola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar de PenicheADEPE - Associação de Desenvolvimento de PenicheAcompanha - Cooperativa de Solidariedade Social

Reconhecimentos e Acreditações

DGERT - Certificação de Entidades FormadorasMembro Honorário da Ordem de Mérito de Instrução PúblicaUm globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura Campanha Eficiência Energética no Facebook

Wednesday the 18th. Todos os direitos reservados.